domingo, 11 de julho de 2010

Tatuagem do Macarrão em homenagem ao goleiro Bruno




“A amizade nem mesmo a força do tempo irá destruir, amor verdadeiro”

Essa é a frase tatuada nas costas do policial Luiz Henrique Ferreira Romão, amigo e segurança do goleiro Bruno e comparsa no crime que levou a modelo Eliza Samudio à morte.

Desde o começo das investigações, ele foi apontado pela Polícia Civil de Minas Gerais como envolvido no caso, porque pegou Eliza no hotel onde ela estava hospedada no Rio, no dia 4 de julho.


"Pelos depoimentos que temos até agora, o Macarrão sempre esteve à frente dos planos. Ele queria matar também o bebê" disse o delegado Edson Moreira, coordenador das investigações.


Quem o conhece, garante que ele é uma pessoa tranquila, que só perdia o controle quando via o melhor amigo, Bruno, em apuros.

3 comentários:

Por que eu "me casei"? disse...

Olá,
estou começando um blog
e gostaria de compartilhar!!
Se puder me seguir e dar sugestões
ficarei agradecida.
Vou te por na minha lista de blogs x)

Luciana N disse...

Oi

Nossa esse caso é revoltante o que me deixou mais estarrecida foi o da criança se fizessem isso era pra acabar com todos.
Bjs e boa semana

Barbara disse...

Adorei post.

Seguidores